quarta-feira, 7 de março de 2012

Mensagem do Rev. Baltazar Férrer

O PRIMEIRO CULTO PRESBITERIANO NAS AMÉRICAS

Cabe aos Presbiterianos a honra de ter realizado o primeiro culto evangélico na história do Brasil e das Américas. Esse evento singular ocorreu há 455 anos em uma pequena colônia fundada pelos franceses na baía de Guanabara. O militar e aventureiro Nicolas Durand de Villegaignon teve a idéia de fundar uma colônia numa região bem conhecida dos franceses: a baía de Guanabara. A expedição chegou à Guanabara no dia 10 de novembro de 1555, sendo bem recebida pelos índios tupinambás, acostumados à presença de franceses na região. O grupo instalou-se na pequena ilha de Serigipe, mais tarde denominada Villegaignon, onde foi construído o Forte Coligny. 

Villegaignon não era protestante, mas escreveu à Igreja Reformada de Genebra solicitando o envio de pastores e colonos evangélicos que contribuíssem para a elevação do nível moral e espiritual da colônia. O próprio João Calvino enviou o grupo colonizador de Genebra. O desembarque no forte Coligny deu-se no dia 10 de março, uma quarta-feira. O ministro Richier orou invocando a Deus. Em seguida foi cantado em uníssono, segundo o costume de Genebra, o Salmo 5: “Dá ouvidos, Senhor, às minhas palavras”. Esse hino constava do Saltério Huguenote, com metrificação de Clement Marot e melodia de Louis Bourgeois, e até hoje se mantém nos hinários franceses. 

Em seguida, o pastor Richier pregou um sermão com base no Salmo 27:4: “Uma coisa peço ao Senhor e a buscarei: que eu possa morar na casa do Senhor todos os dias da minha vida, para contemplar a beleza do Senhor e meditar no seu templo”. Após o culto, os huguenotes tiveram sua primeira refeição brasileira: farinha de mandioca, peixe moqueado e raízes assadas no borralho. Dormiram em redes, à maneira indígena. A Santa Ceia segundo o rito reformado foi celebrada pela primeira vez no domingo 21 de Março de 1557. Infelizmente os portugueses expulsaram aqueles que trariam para o nosso país a cultura e o desenvolvimento, como aconteceu com os Estados Unidos, e o nosso país foi tomado novamente pelas trevas da idolatria Catóilico Romana.


Rev. Baltazar Férrer

Nenhum comentário:

Postar um comentário